NOTÍCIAS

MCE realiza encontro nacional para adolescentes e jovens de todas as igrejas do Brasil 26 de Novembro de 2019
MCE realiza encontro nacional para adolescentes e jovens de todas as igrejas do Brasil | Missão Cristã Elim

O tema do evento “Enfrentando gigantes” promoveu a reflexão dos participantes sobre os “gigantes” que precisam enfrentar em seu dia a dia

Em dias de muita alegria, comunhão e aprendizado, os adolescentes e jovens da MCE, vindos de todas as partes do Brasil, estiveram reunidos no Encontro Nacional de Jovens e Adolescentes da Missão Cristã Elim, conhecido como Jadol. O evento, que completou 11 anos em sua 8ª edição, ocorreu nos dias 15, 16 e 17 de novembro de 2019, em Mairiporã/SP.

O encontro, que acontece a cada dois anos, é sempre muito esperado pelos jovens e adolescentes das igrejas da Missão Cristã Elim. É um momento em que têm a oportunidade de se fortalecerem na Palavra de Deus, na comunhão e na busca pelo Espírito Santo. Segundo o pastor Edivaldo Mello Júnior, que pastoreia as igrejas de São Paulo, o encontro tem muitas histórias e momentos, que certamente marcaram a vida dos jovens das igrejas. “Neste ano, nossa oração foi para que todos tivessem uma experiência e também para que houvesse uma gloriosa presença de Deus que os impactasse, bem como os despertasse para a obra do Reino dos Céus. O Jadol tem essa característica e importância, pois permite um momento exclusivo para os jovens e adolescentes. Sabemos que todos foram visitados, pelo que vivemos nos dias deste encontro. Que agora venham os frutos!”, alegrou-se o pastor Edivaldo Mello Júnior.

A todo momento os participantes foram ministrados pela Palavra de Deus, tanto nos cultos diários, como nas oficinas temáticas e nas brincadeiras. Todas as atividades tiveram como objetivo promover o ensino da Palavra e a comunhão entre eles. O tema do evento para essa edição foi “Enfrentando gigantes”, o qual levou os jovens e adolescentes a refletirem sobre quem são os gigantes deste tempo em suas vidas. Nas oficinas, temáticas de extrema relevância foram ministradas: “Vencendo a depressão e outros males do labirinto da mente” (Dra. Nayra Almeida da Silva); “A ditadura da beleza e seus artifícios para escravizar uma geração” (Pra. Marli Balan); “Dominando Mamon: a vitória sobre as finanças” (Pr. Mario Balan); “O perigo de se tornar um gigante: buscando a essência da adoração” (Pr. Sérgio Machado Pires); “Seitas e heresias: armando-se para o bom combate da fé” (Pr. Guilherme Machado Pires); “Combatendo a teoria da evolução e outros discursos ateístas” (Pra. Taíssa Bolsi Palheta); “Namoro cristão (Pr. Glaucio Borges) e “Marxismo cultural (Marcio dos Santos Pessoa).

Como acontece em cada encontro, as igrejas tiveram desafios a cumprir para o Jadol. Neste ano, foi necessário produzir um vídeo no estilo LipDub, um tipo de videoclipe com a dublagem de uma música, que deve ser perfeitamente executada pelos participantes, uma vez que é filmado com apenas uma tomada (ou seja, sem cortes). A proposta lançada às igrejas para aprodução do vídeo foi escolher uma música com mais de 20 anos de existência, que retratasse o desafio que aquela geração estava enfrentando quando a música foi composta.

Os jovens testemunharam que viveram dias de renovo e muito aprendizado, em que foram chamados a se posicionar de acordo com a Palavra de Deus. Para eles, foram momentos inesquecíveis que ficarão gravados em sua memória e no coração. “Dias que passaram voando, mas que foram gloriosos na presença do Senhor. O chamado foi dado, a convocação foi feita, o exército de Cristo precisa de santificar para avançar, foi dada a largada. É tempo de escolha, de decisão, consagração, deserto, pois é também onde Deus mostra sua mão poderosa a quem decidiu obedecer Sua ordem. Somos Dele. Ele nos chamou porque somos fortes, e na Sua força podemos vencer o maligno. É tempo de despertar, de entregar Isaque, de crescer como cresceu João Batista. Esse foi o Jadol! O coração aperta por nos separarmos novamente no final, mas o consolo do Senhor é a certeza de que isso é apenas o começo, teremos a eternidade para o adorarmos juntos, em perfeita comunhão e santidade. A saudade já toma conta, mas as lembranças das ministrações deixam o coração aquecido e flamejante, porque o nosso Deus é fogo consumidor!”, testemunhou a jovem Jamille Leão, da MCE Belém.

“E não tenham medo da terra, porque nós os devoraremos como se fossem pão.” Números 14:9

Acesse as fotos do Jadol e assista aos vídeos produzidos pelas igrejas da Missão Cristã Elim.

COMPARTILHE: